EDITAL EQUIDADE RACIAL

ACESSAR

Retrospectiva CEERT 2019: Coalizão Negra por Direitos

Autor: Equipe CEERT Data da postagem: 19:00 19/12/2019 Visualizacões: 201
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
Coalizão Negra por Direitos / Foto: CEERT

A Coalizão Negra por Direitos foi criada no início de 2019 e é formada por dezenas de organizações do movimento negro brasileiro, dentre elas o CEERT. A Coalizão tem empreendido ações de incidência, especialmente advocacy, no Congresso Nacional e intervenções no cenário internacional, com o intuito de construir uma rede de apoio transacional para dar visibilidade às violações de direitos humanos que a população negra vem sofrendo no Brasil, principalmente no contexto atual sob a administração de um governo extremamente conservador.

Em setembro o CEERT participou, em conjunto com outras organizações, do Congressional Black Caucus em Washington DC, onde conseguimos o apoio dos parlamentares negros estadunidenses para se posicionarem contra o Acordo de Alcantara assinado entre o presidente brasileiro e o presidente Trump no início desse ano, ferindo os direitos humanos da população quilombola.

Coalizão Negra por Direitos / Foto: CEERT

Em seguida, o CEERT também contribuiu na organização do lançamento internacional da Coalizão. O evento aconteceu nos Estados Unidos em setembro e contou com a participação de aproximadamente 40 pessoas.

Coalizão Negra por Direitos / Foto: CEERT

Ainda, o CEERT participou representando a Coalização internacionalmente em diferentes eventos: "Afro americanos e Afro brasileiros na luta antirracista: estratégias de resistência" na Universidade de Massachusetts; Roda de Conversa com movimentos de mulheres encarceradas e mães que perderam seus filhos assassinados pela polícia na Califórnia; Encontro Anual do US Network for Democracy in Brazil em Washington; evento "América Armada: um debate sobre a violência contra pessoas negras e indígenas nas Américas", e na Change Philantropy - 2019 Summit na cidade de Seattle.

Todas essas ações evidenciam que assim como o ano de 2019 foi complexo e cheio de adversidades no cenário político, seguimos nos organizando dentro e fora do país para fazer frente às políticas contrárias aos direitos da população negra e em defesa da justiça social. Seguiremos lutando, conjuntamente com outras organizações, para a construção de um Brasil mais justo e plural.

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: