EDITAL EQUIDADE RACIAL

ACESSAR

Denúncias de violações de direitos humanos no Brasil crescem 85% em março

Autor: REDAÇÃO ND Data da postagem: 16:00 20/05/2020 Visualizacões: 96
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
Denúncias de violações de direitos humanos no Brasil crescem 85% em março/Reprodução: Badalo

Coletiva de imprensa promovida pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos exibiu dados do Disque 100 de 2019 e 2020

As denúncias de violações de direitos humanos no Brasil cresceram 85% no mês de março de 2020, se comparado com o mesmo mês de 2019. Foram 20.772 registros no Disque Direitos Humanos, canal de denúncias oferecido pelo Governo Federal.

O mês de abril registrou um aumento de 47%, em relação a 2019. Conforme o ouvidor nacional de direitos humanos, Fernando César Ferreira, a suspeita é de que o aumento tenha ocorrido, principalmente, em função do isolamento social estimulado para combater o contágio da Covid-19.

Os dados foram divulgados em coletiva on-line promovida pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, na manhã desta segunda-feira (18), Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Além do ouvidor nacional, participaram do evento, pela internet, a ministra Damares Alves e o secretário nacional dos direitos da criança e do adolescente, Maurício Cunha.

Violência sexual

Dos 159 mil registros feitos pelo Disque Direitos Humanos ao longo de 2019, 86,8 mil são de violações de direitos de crianças ou adolescentes, um aumento de quase 14% em relação a 2018.

A violência sexual figura em 11% das denúncias que se referem à criança e ao adolescente, o que corresponde a 17 mil ocorrências. Em comparação com 2018, o número se manteve praticamente estável, apresentando uma queda de apenas 0,3%.

Conforme o secretário nacional dos direitos da criança e do adolescente, Maurício Cunha, a maior parte dos crimes são cometidos por pessoas próximas às vítimas. Além disso, o crime ocorre, na maioria das vezes, no ambiente doméstico, o que torna mais difícil o alcance de políticas públicas.

Denúncia

O Disque 100 é gratuito e funciona 24 horas por dia, inclusive em feriados e nos finais de semana.

O canal funciona como “pronto-socorro” dos direitos humanos, pois atende também graves situações de violações que acabaram de ocorrer ou que ainda estão em curso, acionando os órgãos competentes e possibilitando o flagrante.

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: