Conheça os vencedores do 7º Prêmio Educar para a Igualdade Racial e de Gênero

Autor: Juliana Gonçalves Data da postagem: 12:00 30/09/2015 Visualizacões: 7576
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:

Após quatro etapas de avaliação envolvendo pareceristas de todo o Brasil, das 643 práticas inscritas, 29 foram finalistas e dessas, 14 foram escolhidas vencedoras 

O Prêmio ‘Educar para a Igualdade Racial e de Gênero: experiências de promoção da igualdade étnico-racial em ambiente escolar’, em sua 7ª edição mantêm os objetivos iniciais de identificar, difundir, reconhecer e apoiar boas práticas pedagógicas e de gestão escolar que promovam, reconheçam e valorizam a diversidade étnico-racial nas escolas. Além disso, traz duas inovações: a incorporação da abordagem de gênero interseccionada a raça e etnia e da educação escolar quilombola.

Sobre a inclusão de práticas de gênero, Cida Bento, diretora-executiva do CEERT, comentou: “A introdução da abordagem de gênero, foi, de longe, a mais desafiante para o CEERT, pela ausência de Diretrizes curriculares nacionais de gênero, pelas dificuldades que as poucas iniciativas que interseccionam gênero e raça vem revelando em várias áreas no Brasil, e pela alarmante condição de desigualdade enfrentada pelas mulheres negras em qualquer canto deste país. No entanto, estamos nos propondo a avançar sobre estas questões, auxiliando a mapear boas práticas nesta área e a definir balizas para colaborar na orientação de professores e gestores que queiram trabalhar com o tema”.

Seu lançamento ocorreu em outubro de 2014 no Sesc Belenzinho e, um ano depois, a mesma unidade recebe a cerimônia de premiação, que conta com a presença de parceiros do prêmio, autoridades das áreas da Educação e da promoção da igualdade racial, comunidade escolar, entre outros. A cantora Ellen Oléria fará o show de encerramento da cerimônia no dia 15 de outubro.

Nesta edição, o ‘Educar para a Igualdade Racial e de Gênero’ recebeu 643 inscrições de todo o Brasil. Desses, 14 são vencedores. Além da doação em dinheiro, notebooks e kits de livros, os selecionados participaram de curso de formação em parceria com o SESC nos dias 13,14 e 15 de outubro de 2015. Realizado pela primeira vez em 2002, constituiu um acervo de aproximadamente 2.900 práticas pedagógicas e de gestão desenvolvidas nas cinco regiões administrativas do país.


Vencedoras e vencedores do 7º Prêmio Educar para a Igualdade Racial e de Gênero

Processo Universal – Categoria Professor

Valquiria Maria da Matta Geraldo Matos - Juiz de Fora/MG Prática: Cultura africana e afro-brasileira: construindo uma prática afirmativa da identidade étnica das crianças na Educação Infantil

Maria Fernanda Luiz - Araraquara/SP Prática: Brincando conhecemos a África

Josivaldo Félix Câmara - Pau Brasil/BA Prática: Projeto Interlocuções África e Diáspora Africana

Sônia Iraci Siqueira - Ribeirão Preto/SP Prática: Africanidades na EJA

Processo Universal – Categoria Escola

Anali Ernandes Felicetti Pavani - São Paulo/SP Prática: Ética e Cidadania com teatro de bonecos - educando para a igualdade

Lúcia Franco Pedroza - Brasília/DF Prática: Projeto diversidade na escola

Processo Afirmativo - Educação Escolar Quilombola - Categoria Professor

Josiane Cristina Climaco - Salvador/BA Prática: A Educação Física e a Lei 10.639/03 - Articulando com as matrizes africanas através da pedagogia histórico crítica

Adélia dos Santos Dias – Januária/MG Prática: Feira de conhecimento: costumes e utensílios quilombolas

Vinícius Darlan Silva de Andrade – Salvaterra/PA Prática: 5ª Semana integrada de combate ao racismo

Processo Afirmativo - Educação Escolar Quilombola - Categoria Escola

José Alves dos Santos Júnior - Santa Luzia/PB Prática: Sou negro, sim! Construindo a identidade racial pela diversidade a partir de uma cultura de paz

Clarice Morais Araújo – Bacabal/MA Prática: Minha comunidade, minha história

Vanderlucia Cutrim de Sousa - Bacabal/MA Prática: Identidade e educação quilombola

Gênero e Raça

Girleide da Silva Xavier - Salvador/BA Prática: Nossa gente nossa história

Francisco Cruz do Nascimento - Ibirapitanga/BA Prática: Diálogos da Diversidade

Parabéns!

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: