Programa Prosseguir 2ª Edição

conheça

Especial de Novembro: “O movimento negro educador”

Autor: Giselle dos Anjos Santos Data da postagem: 15:00 05/11/2019 Visualizacões: 338
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
Especial de Novembro: “O movimento negro educador” / Foto: Divulgação

Qual a contribuição dos movimentos negros  para a sociedade brasileira?

Qual o impacto da luta antirracista para o avanço da democracia e da justiça social no Brasil?

Alguns dizem que o movimento negro advoga em causa própria, ou pior, que atua dividindo a sociedade. Na prática ocorre justamente o contrário.

E é que o CEERT irá discutir no mês da Consciência Negra: “O MOVIMENTO NEGRO EDUCADOR”.

A Profª Dra Nilma Lino Gomes (rodapé a primeira reitora negra de uma universidade federal no país e ex-ministra do Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial, da Juventude e dos Direitos Humanos) irá auxiliar nossa reflexão, focalizando o Movimento Negro Brasileiro como educador, produtor de saberes emancipatórios e um sistematizador de conhecimentos sobre a questão racial no Brasil. Saberes transformados em reivindicações, das quais várias se tornaram políticas de Estado nas primeiras décadas do século XXI.” (rodapéGOMES, 2017, p. 14).

Exemplo, a luta pela inserção de jovens negros/as nas universidades,  gerou a política de cotas raciais, transformada em cotas sociais, atingindo estudantes pobres,  da escola pública, brancos, indígenas e negros.

O Movimento Negro contribui para a democracia no Brasil. Neste novembro traremos a cada semana,  conteúdo sobre as ações do CEERT ao longo dos seus quase 30 anos de atuação, que incidiram para a construção da equidade racial no Brasil. Fiquem atentos e aguardem!

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: