EDITAL EQUIDADE RACIAL

ACESSAR

Projeto de moda afro tem aula inaugural para 180 mulheres

Autor: Itana Silva Data da postagem: 16:00 16/06/2016 Visualizacões: 836
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
Anhamona de Brito, da SJDHDS, fala durante primeira aula do projeto Motimba Mameto

Cento e oitenta mulheres de Plataforma, no subúrbio ferroviário de Salvador, ganharam, desde esta terça-feira, 14, a oportunidade de aprender a criar e produzir moda afro, bem como suas indumentárias.

O projeto é fruto de parceria entre a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) com a Sociedade Beneficente 25 de Junho.

Denominado Motimba Mameto, o programa visa educar profissionais para o segmento, com aulas práticas e teóricas, na sede da instituição, localizada no bairro. A aula inaugural contou com a presença do secretário da SJDHDS, Geraldo Reis, que falou sobre a importância da realização do Motimba Mameto na área.

De acordo com a superintendente de apoio e defesa dos direitos humanos da SJDHDS, Anhamona de Brito, o projeto está inserido no hall de ações desenvolvidas pela secretaria, para garantir a prevenção social em áreas vulnerabilizadas pela violência na Bahia.

"Sabemos que as mulheres, em sua maioria negras, sustentam suas famílias. Quanto mais garantirmos espaços que permitam a reflexão e, principalmente, a preparação para ações preventivas e fortalecedoras, mais elas poderão conduzir melhor os seus núcleos", pontuou Anhamona.

Uma das participantes do Motimba Mameto, a dona de casa Viviane Juli, 31, contou que já havia participado de um projeto no mesmo âmbito, na sociedade beneficente há dez anos.

"É uma chance de aprendizado e crescimento profissional. Como eu já participei antes, é também uma oportunidade de ensinar às meninas que estão chegando", lembrou.

Leia também:

Magá Moura, a militante negra que tomba a caretice

Exposição "Capilaridades" mostra a beleza do cabelo afro

Projeto Pixaim comemora dez anos e traz ações de aceitação às escolas da capital

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: