COMUNICADO

LEIA

MI desenvolve programação para o mês da Consciência Negra

Autor: Redação Museu da Imigração Data da postagem: 14:00 09/11/2016 Visualizacões: 699
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
MI desenvolve programação para o mês da Consciência Negra / Imagem: Museu da Imigração

Para o mês de novembro, o Museu da Imigração – instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo – preparou uma série de atividades voltadas para a celebração do Dia da Consciência Negra. A programação foi distribuída em um cronograma que inclui a realização de visitas temáticas com o núcleo Educativo, piquenique com brincadeiras, sarau e oficinas. Toda a programação é livre e gratuita.

No dia 19, o MI promove, às 14h, o “Sarau Migração Africana” com a participação de grupos de poetas e cantores africanos. O evento será realizado em parceria com o Projeto Raízes, que constitui uma iniciativa empenhada na promoção, incentivo e divulgação da literatura africana e a integração cultural de todos os povos.

No dia seguinte (20), os visitantes serão convidados para um grande piquenique no jardim do Museu, onde irão ocorrer atividades desenvolvidas pela Casa do Brincar. A partir das 10h, as crianças poderão conhecer brincadeiras tradicionais e se divertir com pés-de-lata, bambolê, peteca e vai-e-vem. Às 11h, acontece o “Música para Brincar”, que proporciona ao público uma vivência musical em família, por meio de jogos promovidos por um professor de música.

Durante a parte da tarde, serão oferecidas duas oficinas voltadas à cultura africana. Com auxílio da Trupe Benkady, o luthier Thiago Dan Olubi oferece um breve curso de construção de instrumentos às 14h30, e Flavia Mazal ensina algumas danças típicas a partir das 16h30. As vagas para as oficinas são limitadas e os interessados devem se inscrever pelo e-mail: inscricao@museudaimigracao.org.br.

O núcleo Educativo do MI também desenvolveu ações destinadas à conscientização e reflexão acerca da importância das referências africanas na formação da cultura nacional. Durante todo o mês, serão realizadas, aos domingos, visitas temáticas que abordarão a identidade negra na cidade de São Paulo nos seus aspectos arquitetônicos, sociais, históricos e culturais. A atividade acontece na exposição de longa duração – “Migrar: experiências, memórias e identidades” -, sempre às 16h.

O Museu da Imigração fica na Rua Visconde de Parnaíba, 1316, no bairro da Mooca, em São Paulo. O horário de funcionamento é de terça a sábado, das 9h às 17h, e aos domingos das 10h às 17h. Os ingressos para visitar as exposições do Museu custam R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia-entrada). Outras informações estão disponíveis no site www.museudaimigracao.org.br

Serviço

Mês da Consciência Negra

19/11

14h: Sarau Migração Africana

20/11

10h: Piquenique e atividade “Casa do Brincar”

14h30: Oficina de construção de instrumentos com Thiago Dan Olubi e Trupe Benkady

16h30: Oficina de dança Africana com Flavia Mazal e Trupe Benkady

Domingos de novembro

16h: Visitas temáticas: Territórios negros

Local: Museu da Imigração (Rua Visconde de Parnaíba, 1316 – Mooca – São Paulo)

Leia também:

Vem aí a 2° edição da Marcha do Orgulho Crespo de Porto Alegre

Coletivo Negro da USP de Ribeirão Preto organiza seminário sobre racismo

Eventos promovem feminismo negro com rodas de samba e de conversa

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: