EDITAL EQUIDADE RACIAL

ACESSAR

Xênia França é a primeira cantora brasileira a participar do Colors

Autor: Giovanna Souza Data da postagem: 10:00 28/06/2019 Visualizacões: 369
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
Xênia França é a primeira cantora brasileira a participar do Colors/Imagem: Reprodução - Diario de Pernambuco

A cantora Xênia França é a primeira artista brasileira a participar do projeto musical Colors. O clipe, onde a baiana interpreta Miragem, uma música de sua autoria, foi lançado no canal do Colors no Youtube (COLORS), nesta quinta-feira (20) e já ultrapassa 30 mil visualizações.

“All colors, no genres” é a forma que a plataforma Colors se define. Com um canal no Youtube que ultrapassa 3,3 milhões de inscritos, o projeto promove novos artistas de diferentes gêneros musicais e de diversas partes do mundo. Nos clipes, apostam em uma estética minimalista, onde o cenário é composto apenas por paredes coloridas, que mudam de tonalidade a cada intérprete. O objetivo principal é dar oportunidade para os artistas se apresentarem sem distrações, priorizando a clareza e a tranquilidade.
 
Jorja Smith, a rapper IMDDB e o multi-instrumentista Masego já participaram do projeto. Xênia França é a primeira brasileira a se juntar a atração. A cantora nascida no recôncavo baiano, já trabalhou como modelo e participou do EP Sua mina ouve meu rep também e do álbum Emicídio, ambos do rapper Emicida, gravados em 2010.
 
No ano seguinte, Xênia entrou para a banda Aláfia, na qual passou sete anos ao lado de Pipo Pegoraro e Lucas Cirillo. Juntos, o grupo lançou os álbuns: Aláfia (2013), Corpura (2015) e SP não é sopa (2017). Atualmente a artista desenvolve um trabalho solo, e vem conquistando o seu lugar no cenário musical, graças a sua qualidade musical e a sua representatividade na militância do feminismo negro.
 
Em 2017, a artista lançou seu primeiro trabalho solo: Xenia. Graças a esse trabalho ela foi indicada para o Grammy Latino de 2018, concorrendo nas categorias: Melhor álbum pop contemporâneo e Melhor canção em Língua Portuguesa, com a canção Para que me chamas?. No álbum ela reúne influências de diversos gêneros da música negra, como o jazz, samba-rock, yorubá e R&B.
 
Também em 2018, Xênia foi indicada para o Women Music Award. A cantora defende o resgate e a disseminação da cultura Afro-brasileira, sendo uma referência de empoderamento para o público feminino, principalmente entre as mulheres negras.
Xênia está confirmada para um duo com o cantor Seal, no palco Sunset do Rock in Rio 2019, ela já se apresentou nos palcos de festivais famosos como o Recbeat, Coma e Coala.
 
Confira o clipe de Miragem:
 
Curta a nóticia:
Curta o CEERT: