EDITAL EQUIDADE RACIAL

ACESSAR

DJONGA É DESTAQUE NO JORNAL NACIONAL POR SER INDICADO NO BET HIP-HOP AWARDS

Autor: ISRAELMOX Data da postagem: 11:32 14/10/2020 Visualizacões: 210
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
O rapper mineiro é o único cantor brasileiro no prêmio internacional BET Hip-Hop Awards/Reprodução: Jornal do Rap

O destaque da reportagem foi ao ar nessa Terça-feira (13) de outubro, no Jornal Nacional da rede Globo.

Djonga comentou sobre a luta contra o racismo, sobre a arte, família e muito mais.

“Minha família é uma família de preto, gosta de fazer festa demais, entendeu? E festa, uma das coisas que não pode faltar é música. Então, eu cresci ouvindo muita música, de tudo quanto é estilo que você imaginar”, comentou Djonga.

O rapper mineiro Djonga foi o primeiro brasileiro indicado ao prêmio BET Hip Hop Awards, realizado nos Estados Unidos.

“Tipo, tem situações que você nunca imaginaria que seria possível você conseguir ser discriminado. Você é. E aí, diante disso, você começa a entender o tamanho da estrutura. E como que a gente tem que lutar de fato, e como que a luta é muito mais pesada e mais séria do que parece. Não é uma coisa só de boca para fora. E ainda assim, o lance era bater no peito e falar: ‘vamos longe’”, disse Djonga.

O cantor concorre na categoria de melhor artista internacional com rappers da França, Reino Unido, África do Sul e Quênia. A premiação acontece em 27 de outubro.

Em quatro anos de carreira, ele lançou quatro álbuns de estúdio: “Heresia” (2017), “O menino que queria ser Deus” (2018), “Ladrão” (2019) e “Histórias da minha área” (2020). Com os últimos dois, o rapper emplacou suas músicas entre as mais ouvidas no YouTube.

“O papel da arte de incomodar, de causar reflexão, para mim, é mais do que fundamental. Fora isso, é levar diversão e amor para o coração de todo mundo”, completou Djonga.

Djonga com sua Vó e Sua Mãe no Jornal Nacional

“Agora que eu estou aproveitando a minha vida. Nunca fui de sair para festa, bar e farra, o tempo não dava”, conta Maria Eni Viana, avó de Djonga.

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: