Chamada Pública: ReIntegrar com equidade de raça e gênero para egressos do sistema carcerário ACESSAR

Conversa de Portão #12: Brancos periféricos precisam pensar em branquitude

Autor: Redação Ecoa Data da postagem: 12:00 10/12/2020 Visualizacões: 245
Curta a nóticia:
Curta o CEERT:
Conversa de Portão #12: Brancos periféricos precisam pensar em branquitude/ Imagem: Reprodução - Divulgação - Ecoa

Por que é importante falar de branquitude com pessoas brancas da periferia, levando em conta que os brancos dividem os mesmos espaços de vulnerabilidade que as pessoas negras? O combate ao racismo deve ser encampado principalmente por aqueles que mantêm o problema - ou seja, as pessoas brancas. Por isso, Bianca Pedrina e Mari Belmont - duas jornalistas brancas e periféricas - discutem neste 12º episódio do Conversa de Portão as particularidades de um privilégio que se dá mesmo em condições vulneráveis.

"Não são as pessoas brancas periféricas que sofrem a violência do Estado de um tamanho tão terrível como as pessoas negras, a gente pode perceber isso diariamente", diz a entrevistada Mari (a partir de 17:48 do arquivo acima).

Para efeito de comparação, Bianca lembra um outro caso em que o recorte racial muda muito o panorama de dois lados que dividem a mesma situação de vulnerabilidade: o machismo. Mulheres negras e brancas sofrem com o machismo, mas de maneira bem mais grave no caso das primeiras. "Quando algumas mulheres brancas debatem, o feminismo que trazem colocam todas as mulheres no mesmo lugar, sem trazer o recorte racial, como se feminismo fosse tudo a mesma coisa. E não é", diz Mari (a partir de 24:49 do arquivo acima).

Quando a gente fala de periferia, onde as vulnerabilidades também são similares, acontece o mesmo. As violências se reproduzem de maneira desigual, desde o genocídio dos jovens pretos até o cotidiano dos atendimentos médicos, mercado de trabalho, etc.

"A conversa passa por essas pessoas brancas que já entendem seus privilégios assumirem o papel de colocar isso na mesa ,debater essa importância de se falar de privilégio branco e branquitude nos territórios", afirma (a partir de 23:31 do arquivo acima).

O Conversa de Portão é um podcast produzido pelo Nós, Mulheres da Periferia em parceria com UOL Plural. Novos episódios são publicados todas as terças-feiras. Este episódio teve produção de Carol Moreno, direção musical de Sabrina Teixeira Novaes, trilha sonora e edição de som por Sabrina e Camila Borges.

 

Curta a nóticia:
Curta o CEERT: